A gigante nipônica do mundo dos games, a toda poderosa Nintendo, começa a desbravar novos mundos em seus investimentos. Dona de propriedades intelectuais super valiosas, como Pokémon e Super Mario, a companhia vem sofrendo nos últimos anos com resultados financeiros ruins, principalmente por conta do seu setor de Hardware.

Em vista de tudo isso, era necessário procurar novos caminhos, novos horizontes para que a empresa pudesse lucrar e continuar com as suas operações. E qual o setor que está crescendo num ritmo impressionante e trazendo muito dinheiro para empresas mundo afora? Isso mesmo, o setor de games mobile.

Iniciado por febres como Candy Crush, a indústria mobile sempre traz resultados bons para empresas que sabem investir bem. É o caso da própria Nintendo, que investiu uma parte na criação de Pokémon Go, e que viu ótimos resultados na monetização do game. Partindo dessa estratégia, agora é a hora de estrear com propriedades criadas 100% dentro da empresa.

E quem melhor para isso do que Super Mario?

 

O novo fenômeno, Super Mario Run

O novo game da Nintendo, como o nome já diz, é um Side Scroller 2.5 D onde o objetivo principal é correr para a direita, coletar moedas e completar estágios. Parece muito simples, não?

Pois é essa simplicidade que dá o tom aqui. Por mais que pareça que existam muitos jogos no mercado que possuam a mesma temática e jogabilidade, é inegável afirmar que a Nintendo conseguiu criar um ambiente, uma atmosfera que só ela mesma consegue criar. Mario tem que correr, pular em inimigos, como um game normal do herói, mas agora no alcance da palma da sua mão.

Fonte da imagem: Engadget
Fonte da imagem: Engadget

Os controles são bem simples. Você pode apertar para pular, apertar e segurar para pular mais alto, apertar depois de um pulo para o personagem planar ou não fazer nada e seguir correndo. Por mais que os controles sejam simples, o fato de Mario continuar a correr para a direita sem parar é o que dá o tom do desafio: Conseguir as moedas especiais em todos os estágios é tanto desafiador quanto recompensador.

A mente brilhante por trás dos games do Mario também assina essa criação. Trata-se de Shigeru Miyamoto, criador do encanador mais famoso do mundo e level designer do game. Segundo ele, o desafio não é só trazer Mario para os celulares, mas garantir que até mesmo quem nunca jogou um game da franquia, ou seja, não possua habilidade alguma, consiga se divertir bastante com o game.

Vindo do homem que é referência até hoje em Level Design, um desafio aceito é um desafio conquistado, não é mesmo?

Quem tem a ganhar com isso tudo são os gamers. O mais forte da Nintendo sempre foram os Softwares, e conseguindo abrir seu leque para outras plataformas, é bem capaz que o dinheiro volte a fluir no caixa da empresa e mais investimentos em novas franquias, plataformas, games e hardware venham ao nosso encontro.

O game Super Mario Run será lançado primeiramente em iOS até o fim deste ano, e num futuro próximo ao lançamento receberá uma versão para Android também.

E você, quão ansioso está? Fique ligado para mais novidades, e até a próxima!


ush([ 'view', {v:'ext',j:'1:4.4.2',blog:'15678779',post:'23299',tz:'-3',srv:'manualdatecnologia.com'} ]); _stq.push([ 'clickTrackerInit', '15678779', '23299' ]);